20.9 C
Porto Murtinho
segunda-feira, 15 de julho de 2024

Murtinho exalta papel sociocultural das bandas e fanfarras em circuito regional

- Publicidade -

Com a Praça de Eventos recebendo um grande público, a prefeitura de Porto Murtinho promoveu a quarta edição do Circuito de Bandas Marciais e Fanfarras de Mato Grosso do Sul, mantendo uma tradição que vinha se perdendo por falta de apoio em algumas regiões do Estado. Projetos desenvolvidos na cidade fronteiriça são voltados para a promoção social e da educação, além de incentivar as crianças e jovens a ter uma melhor convivência e aprendizado.

A iniciativa de Porto Murtinho, em comemoração aos 111 anos do município, motivou a presença, por exemplo, da banda de Anaurilândia, município situado em outro extremo. Os integrantes do grupo viajaram mais de 750 quilômetros para participar do encontro estadual, cujas apresentações são rápidas, porém muitos significantes para os jovens músicos. O presidente da federação que congrega as agremiações, maestro Fábio Costa, disse que a iniciativa de Murtinho é um grande marco.

“Estamos desde 2011 sem campeonatos, apenas com apresentações, mas as competições voltam em setembro, com eventos em várias cidades, e esse circuito de Porto Murtinho traduz essa retomada em grande estilo, sem dúvida muito importante para mantermos essa atividade sociocultural no meio escolar”, destacou o dirigente. Segundo ele, dos 79 municípios do Estado, hoje 43 desenvolvem esse projeto e a tendência é o engajamento de todos.

Murtinho exalta papel sociocultural das bandas e fanfarras em circuito regional

Formando cidadãos

A federação homenageou o prefeito murtinhense Nelson Cintra, por ocasião do encontro, com uma moção de congratulações, pelo empenho de sua administração em manter viva uma tradição que proporciona alegria e emociona as pessoas e resgata a cidadania. “Me sinto muito motivado pelos projetos que desenvolvemos com as crianças e os jovens, onde, por meio a música, formamos cidadãos de bem e reduzimos a evasão escolar e a repetência”, disse Cintra.

O quarto circuito reuniu bandas (grupos com instrumentos de sopro) e fanfarras (instrumentos de percussão) de Porto Murtinho, Bodoquena, Jardim, Rochedo, Anaurilândia, Paranhos, Aquidauana e Bonito. A população murtinhense se emocionou com as apresentações das agremiações locais, em especial a Banda Municipal, que ganhou destaque nacional. O encerramento foi marcado pela presença da banda de veteranos da cidade.

“Esse é um investimento que traz muitos benefícios para a população, em especial para os nossos jovens”, realçou a secretaria municipal de Assistência Social, Maria Lucia Ribeiro. “Acredito muito nesse projeto, o circuito de bandas e fanfarras é uma prova de que estamos plantando o futuro, vejam a dedicação e foco desses jovens que fizeram viagens longas para chegarem até aqui. A gente se sente muito gratificada por proporcionar momentos como esse.”

Uma das novidades do encontro em Porto Murtinho foi a banda de Rochedo, que introduziu outros instrumentos, como teclado, baixo e o berrante, tocado pelo maestro Edson Barbosa. Presentes no evento os prefeitos de Porto Murtinho, Nelson Cintra, e de Jardim, Clediane Areco Matzenbacher; o diretor do Sebrae/MS, Cláudio Mendonça, bem como secretários municipais, dentre os quais Maria Lucia Ribeiro, vereadores e autoridades militares.

Leia também

- Publicidade -

Últimas Notícias

EXTRATO DO AVISO DE LICITAÇÃO

ADESÃO Nº 006/2024

EXTRATO DO AVISO DE LICITAÇÃO

EXTRATO DO AVISO DE LICITAÇÃO

- Publicidade-